Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra

ELEITOS EM ASSEMBLEIA GERAL OS ORGÃOS SOCIAIS PARA 2017-2018

José Ferreira foi reeleito presidente da direção

Contando com a presença de três dezenas e meia de associados e representantes de dezanove coletividades regionalistas filiadas, realizou-se na tarde de Domingo, dia 12 de Fevereiro de 2017, a assembleia geral ordinária da Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra (CCPS), na sua sede em Lisboa.

 Sob a presidência de João Ramos, a sessão tinha como primeiro ponto da ordem de trabalhos a apresentação do Relatório e Contas do exercício de 2016, tendo na ocasião o presidente da Direção José Ferreira, feito uma síntese daquele documento e prestado todos os esclarecimentos pedidos pelos associados. O presidente da direção agradeceu a todos os que apoiaram a Casa na realização das suas atividades, dando destaque ao sucesso das comemorações dos 75 anos da instituição, assim como a realização do 1º Encontro Gastronómico Pampilhosense, ambas as realizações com elevado número de presenças. Disse estar muito agradado por terem cumprido os objetivos e apresentar resultados financeiros positivos. Carlos Simões, como diretor do jornal Serras da Pampilhosa referiu-se à alteração de formato do jornal efetuado a partir de Junho, informando que a aceitação tinha sido positiva por parte dos leitores e a viabilidade económica do jornal foi melhorada de forma significativa devido à redução de custos de impressão e expedição, e um aumento das cobranças.

Com a emissão de parecer favorável do Conselho Fiscal pela voz do seu presidente José Carlos Silva e por proposta daquele órgão, o Relatório e Contas foi aprovado por unanimidade, tendo sido aprovados ainda Votos de Louvor à Direção, ao Jornal Serras da Pampilhosa, seu diretor e colaboradores e ao Rancho Folclórico da CCPS diretor e elementos.

Antes de se passar ao ponto seguinte, e por proposta da mesa, foi aprovado um Voto de Pesar pelos associados falecidos e deixado um minuto de silêncio em sua memória.

Seguidamente, foi dada a palavra à direção, que apresentou o Plano de Atividades e Orçamento para 2017, no qual foram apresentadas as principais linhas de ação que no entender da direção deverão nortear a atividade da instituição, designadamente as atividades que anualmente vêm fazendo parte da vida da CCPS, das quais destacamos a comemoração do 33º aniversário do Rancho Folclórico a realizar no próximo dia 26 de março, a realização de atividades desportivas, recreativas e culturais, a comemoração do 76º aniversário da instituição e o 18º do jornal Serras, a dinamização das parcerias com entidades locais e com as filiadas, a manutenção e reforço da atividade da estrutura etnográfica com o Rancho Folclórico da CCPS, o grupo de concertinas Os Serranitos e o Grupo de Bombos, a reedição do Encontro Gastronómico Pampilhosense, a manutenção da publicação do jornal Serras e a manutenção da abertura regular das instalações da sede e iniciar projeto de obras de conservação e, por fim, constituir um grupo de trabalho a fim de elaborar proposta de Regulamento Interno. Para além destas iniciativas outras se poderão juntar, afirmando que direção está aberta a apoios e propostas de outras iniciativas.

O Plano de Atividades e Orçamento para 2017 foi aprovado pela assembleia, entrando-se de seguida no último ponto da ordem de trabalhos, destinado à apresentação de assuntos de interesse geral, tendo vários associados usado da palavra, centrando-se a discussão principal no tema relacionado com as instalações da Casa. Tratando-se de imóvel implantado em Alfama, um antigo bairro histórico da capital, necessita de obras de requalificação e manutenção, devido a infiltrações de água em diversos locais. Por outro lado, foi opinado por Anselmo Lopes que as instalações poderiam ser abertas à comunidade com a instalação de uma Universidade Sénior, disponibilizando-se para dar apoio nesse projeto. A este respeito José Ferreira reforçou que as instalações têm limitações e as obras são urgentes e prioritárias. Ludovina Lopes alertou para os apoios comunitários Portugal 2020 que poderiam candidatar-se, podendo pensar-se na possibilidade de rentabilizar o andar inferior para implantar uma área comercial, aproveitando o facto de ser uma zona muito frequentada por turistas, podendo, por exemplo, servir para a divulgação e comercialização de produtos endógenos do nosso concelho, e ser simultaneamente uma boa oportunidade para a Casa, para os pampilhosenses e para o seu território de origem. Vários associados concordaram que o último ano foi muito bom para a Casa, dando os parabéns à direção, à Estrutura Etnográfica e ao jornal Serras.

Antes de encerrar a sessão, o presidente da mesa, João Ramos, referiu que a direção que naquele dia sessava funções cumpriram o seu mandato de forma excelente, tendo dignificado a Casa do Concelho e realizado um bom trabalho que todos os pampilhosenses devem enaltecer e aplaudir.

Após o encerramento da sessão, iniciou-se de imediato a assembleia geral eleitoral, a fim de eleger os órgãos sociais para o próximo biénio, tendo sido entregue na Mesa apenas uma lista concorrente. Depois de apresentada, a lista foi a votação pelos associados e filiadas presentes, tendo sido aprovada por unanimidade.

Assim para o biénio 2017-2018 os associados eleitos para os Órgãos Sociais da CCPS, são os seguintes:

Assembleia Geral

Presidente

1.º Secretário

2.ª Secretária

João Manuel de Matos Ramos

José Nunes das Neves

Elisa Manuela Almeida Matias Esteves

Carvalho

Vale Serrão

Machio de Cima

 

Direção

Presidente:

Vice-Presidente

Vice-Presidente

Tesoureira

1.º Secretário

2.ª Secretária

3.º Secretário

 

1.º Suplente

2.º Suplente

3.º Suplente

José Fernandes Ferreira

Sérgio António Gaspar Vicente

José Henrique Antão Fernandes

Emília Maria Pereira N. Antão Fernandes

André Filipe Luís Mendes

Manuela Alexandre Batista Pires

Sérgio Miguel Mendes Trindade

 

José Carlos Almeida Borbinhas Cabaços

José Jorge Marques Mendes Antunes

Joaquim da Costa Simão

Praçais

Malhada-do-Rei

Ribeiro e Folgares

Ribeiro e Folgares

Coelhal

Vale Derradeiro

Vale Derradeiro

 

Sobral Bendito

Sobral Valado

Malhada-do-Rei

 

Conselho Fiscal

Presidente

Secretário

Vogal

Suplente

Suplente

José Carlos Casimiro Santos Silva

José de Almeida Alexandre

Jorge Batista Santos Morais

Maria Ludovina Cardoso Lopes

Elisabete Maria Gaspar Vicente

Brejo de Baixo

Soeirinho

Ponte de Fajão

Maria Gomes

Malhada do Rei

 

Conselho Regional

Presidente

Secretário

Secretário

Isidro Alves Marques

Artur Agostinho Lourenço Tomé

Nuno Miguel Marques Barata-Figueira

Malhadas da Serra

Amoreira

Padrões

 

Representantes no Território

José Manuel Dias Gonçalves Almeida                                         Sobral Bendito

Esmeralda Assunção Simões Alexandre                                     Pampilhosa da Serra

Votos de muitos sucessos para este novo elenco, que mantem na presidência José Ferreira, tendo já provas dadas de grande competência e capacidade para manter a Casa concelhia pampilhosense, como uma das mais prestigiadas na capital, e uma excelente embaixadora de Pampilhosa da Serra e da sua região serrana.

 

Carlos Simões

Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra todos os direitos reservados

webmaster

Top Desktop version

Este Website usa Cookies ..... Ver Politica e Privacidade