Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra

32º Aniversário do Rancho Folclórico da CCPS

RANCHO FOLCLÓRICO DA CASA DO CONCELHO DE PAMPILHOSA DA SERRA -  32 ANOS A DIVULGAR A CULTURA PAMPILHOSENSE

O Rancho Folclórico da Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra comemorou no dia 20 de março de 2016 os 32 anos de fundação, com a realização de um almoço-festa, que teve lugar nas instalações da sua sede, em Alfama, Lisboa.

 

Muitos foram os elementos do rancho presentes e seus familiares, ao que se juntaram ex-elementos, representantes de coletividades do concelho e diversos convidados e amigos.

Com a sala bem composta, na mesa de honra esteve o presidente da Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra, José Ferreira, acompanhado por Manuel Medeiros representante da Junta de Freguesia de Santa Maria Maior, por Manuel Ferreira em representação da Junta de Freguesia de Penha de França, Francisco Teófilo da Confederação Portuguesa de Coletividades de Cultura Recreio e Desporto, António Pereira da Casa da Comarca de Arganil e da Associação de Casas Regionais em Lisboa (ACRL), Armindo do Rancho Folclórico de Ribeira de Celavisa, Jaime Carvalho da RDP Internacional e António Fernandes, ex-campeão nacional de Xadrez.

Na qualidade de diretor do Rancho aniversariante José Antão cumprimentou efusivamente todos os presentes e deu os parabéns a todos os que ajudaram a percorrer o meritório caminho ao longo dos 32 anos de vida do rancho. Lembrou Armindo Antunes, falecido diretor do Serras, como alguém sempre presente com a sua atitude positiva e apoio.

José Antão disse ser pessoalmente uma honra e um gosto imenso ser o diretor da Rancho da casa concelhia, quer por liderar um grupo jovem, mas pela sua união, sendo por isso mais fácil dirigir. Elogiou largamente todos os elementos do rancho pela sua disponibilidade e qualidade das atuações, não esquecendo o trabalho meritório do seu ensaiador André Mendes, tendo o grupo tido muitas atuações ao longo do ano.

Continuou José Antão por agradecer à direção da Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra todo o apoio, e também a presença de todos, terminando a sua intervenção lembrando o grande trabalho dos fundadores do Rancho, em especial Álvaro Margarido, Manuel Canhoto, Manuel Ribeiro e outros, lendo de seguida uma mensagem enviada por Álvaro Margarido, apelidado frequentemente como “O Pai do Rancho”.

“ Queria desejar os parabéns ao nosso rancho, na impossibilidade de estar presente devido a uma intervenção cirúrgica. Venho felicitar o Rancho Folclórico, na pessoa do seu diretor José Antão, e também a Casa do Concelho. É uma honra para mim ver este rancho da forma como está, continuem assim. Aos elementos do rancho, uma palavra, continuem assim com esse sorriso, com a simplicidade que vocês têm, que é isso que vos faz serem diferentes…os melhores. Tenho muito orgulho no Rancho, nos Serranitos e nos Bombos. Beijos e Abraços a todos.”

De seguida foi dada a palavra a alguns convidados, iniciando António Pereira que em nome da congénere Casa da Comarca de Arganil e da ACRL, deu os parabéns ao Rancho e seus elementos, afirmando que estar ali era um grande prazer devido á amizade que une as duas Casas e as boas ligações que são de há muito. Enalteceu o trabalho do Rancho na divulgação da cultura e tradições da região serrana. Terminou com um rasgado elogio ao pessoal da cozinha que ali apresentou um belo repasto.

Nuno Barata-Figueira em representação da Casa da Comarca da Sertã agradeceu o convite e deu os parabéns ao Rancho pelo seu aniversário, salientando também os laços de amizade e familiares que unem as duas Casas ligadas a territórios de concelhos vizinhos.

Voz conhecida da rádio, Jaime Carvalho da RDP Internacional agradeceu o convite e lembrou que o Rancho cumpre um importantíssimo papel na divulgação das tradições e cultura do concelho e da região, assim como, disse ser admirador do trabalho das casas regionais. Mostrou-se disponível para realizar um programa em direto a partir das instalações da Casa do Concelho pampilhosense, no âmbito da comemoração do 75º aniversário da fundação, dia 4 de junho, entre as 9 e as 13 horas, com uma atuação do Rancho Folclórico da CCPS com áudio transmitido para todo o mundo.

Francisco Teófilo, conselheiro nacional da Confederação de Coletividades, saudou todos os órgãos sociais da Casa do Concelho, associados e outras entidades convidadas, e deu os parabéns ao Rancho Folclórico da CCPS pelos 32 anos, considerando um momento de festa mas também de reflexão e de vontade para um futuro cada vez melhor. Enalteceu o trabalho dos fundadores e em nome da Confederação expressou o reconhecimento a todos os dirigentes pela dedicação e valorização que dão a causas nobres em nome do bem comum. Deixou a disponibilidade da Confederação e terminou com votos de êxitos.

Da Junta de freguesia de Penha de França Manuel Ferreira trouxe uma palavra amiga, cumprimentos e parabéns pelo aniversário, e da Junta de freguesia de Santa Maria Maior, na qual a Casa se insere, Manuel Medeiros em nome do presidente da autarquia agradeceu o convite e parabenizou o rancho pela sua atividade há mais de três décadas, agradecendo toda a colaboração com a junta na participação em eventos culturais. Terminou expressando a disponibilidade da junta para desenvolver projetos comuns e ao dispor para incrementar a colaboração.

A terminar as intervenções usou da palavra José Ferreira, presidente da direção, que após os cumprimentos aos presentes e saudar os convidados e entidades, lembrou a perda recente do vice-presidente Armindo Antunes, tendo sido guardado um minuto de silêncio em sua memória, selado com uma salva de palmas.

Agradeceu a presença e disponibilidade manifestada anteriormente por Jaime Carvalho da RDP Internacional, a presença de Isaura Fernandes e pediu forte aplauso para o José Alexandre e esposa, e ainda todos os que colaboraram no almoço.

Referindo-se à estrutura etnográfica da Casa, José Ferreira começou por pedir um aplauso a Sérgio Vicente, anterior diretor do Rancho e vice-presidente da direção, por ter assegurado a continuidade com a sua experiência. Para os atuais elementos, desde o diretor José Antão, ensaiadores, elementos dançarinos e tocadores e todos os outros, teceu palavras de elogio e louvor ao seu trabalho e à sua dedicação pelo tempo que, todas as semanas, ficam afastados da sua família e privados de outros divertimentos, devendo ser esse esforço reconhecido por todos. Seguiu-se um forte aplauso.

A terminar o presidente manifestou toda a disponibilidade da direção para apoiar o Rancho e toda a estrutura etnográfica, onde se incluem ainda o Grupo de Concertinas “Os Serranitos” e o Grupo de Bombos da CCPS.

Logo de seguida entrou na sala um bolo de aniversário com velas acesas para a D. Maria do Céu, esposa do Zé Alexandre, que naquele dia também comemorava o seu aniversário, cantando-se os parabéns ao som das concertinas do grupo.

Pela tarde houve ainda muita alegria e festa com animado baile com os elementos dos Rancho, Serranitos e Bombos a animar a festa e a puxar pelos restantes presentes.

Para finalizar foram cantados os parabéns, um brinde e apagadas as velas num excelente e bonito bolo de aniversário, mais uma vez gentilmente oferecido por Fernando Nunes, de Janeiro de Baixo, a quem a direção agradeceu, assim como às senhoras que trouxeram sobremesas e a Carlos Manuel, da Casa de Arganil que ofereceu o barril de imperial.

Para o ano lá estaremos em força para comemorar os 33 anos do nosso Rancho Folclórico.

Carlos Simões

Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra todos os direitos reservados

webmaster

Top Desktop version

Este Website usa Cookies ..... Ver Politica e Privacidade