Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra

União e Progresso de Vale Derradeiro aprovou alteração estatutária

A União e Progresso de Vale Derradeiro reuniu em assembleia-geral ordinária, no dia 4 de fevereiro, pelas 10:00 horas, na Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra, em Lisboa, cuja ordem de trabalhos era composta por seis pontos, designadamente: a apresentação, discussão e votação do Relatório de Atividades e Contas do ano 2017 e parecer do conselho fiscal; a apresentação, discussão e votação do Plano de Atividades para 2018; a apresentação, discussão e votação da proposta de “Regulamento do Uso da água do Tanque de Combate a Incêndios para Regas”; a votação da proposta de proclamação de sócia honorária a Engª Anabela Martins; a eleição de novos Corpos Sociais para 2018; e a apresentação e discussão de assuntos de interesse coletivo.

 

Presidiu aos trabalhos Carlos Alberto Costa Pereira Simões, presidente da Assembleia Geral, secretariado por Maria da Piedade Antunes Mendes. A sessão iniciou-se em segunda convocatória, com a saudação inicial do presidente, seguindo-se a leitura e aprovação da ata anterior.

No primeiro ponto, foi dada a palavra a Sérgio Trindade, na qualidade de presidente da direção, que apresentou o Relatório de Atividades e Contas de 2017, do qual destacamos; a realização do almoço do 49 aniversário; a participação em várias iniciativas regionalistas, principalmente no êxito do 12º Encontro Convívio de Coletividades Regionalistas Fajaenses e Amigas realizado em Castanheira da Serra, e no Convívio Solidário para com os afetados pelos incêndios realizado na Voz do Operário em Lisboa.

Integrado no relatório, a direcção apresentou propostas de Votos de Louvor a várias entidades pampilhosenses, designadamente ao presidente da Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra e vereadores, Junta de Freguesia de Cabril, direção da Casa do Concelho, e à imprensa regional “A Comarca de Arganil” e Jornal “Serras da Pampilhosa”. Foram também propostos Votos de Agradecimento a todos os associados e amigos que colaboraram com a direção, tendo todos sido aprovados por unanimidade.

Foi aprovado um Voto de Pesar pelos associados e familiares falecidos, guardando-se um minuto de silêncio em sua memória.

Pelo presidente da mesa foi de seguida dada a palavra ao conselho fiscal, que leu o parecer daquele órgão, propondo a aprovação do Relatório e Contas de 2017, e um Voto de Louvor á direção pelo entusiasmo, desempenho e competência demonstrados ao longo do mandato. Ambas as propostas foram votadas e aprovadas por unanimidade.

Quanto ao Plano de Atividades apresentado pela direção, destacamos a programação das comemorações do 50º aniversário da fundação com um grande almoço convívio, no dia 27 de maio em Alverca, a realização em Vale Derradeiro do 13º Encontro Convívio das Coletividades Fajaenses e amigas, no dia 10 de junho de 2018, e a participação em atividades recreativas e culturais. Plano que mereceu a concordância da unanimidade dos presentes.

No terceiro ponto, foi apresentada proposta da direção para o “Regulamento do uso da água do tanque de combate a incêndios para regas”, tendo sido lido e discutido todo o seu articulado e aprovado por unanimidade, sendo deliberado que seria afixado na aldeia para conhecimento de todos os habitantes.

Por proposta da direção foi aprovado por unanimidade proclamar a presidente da junta de freguesia de Cabril, Engª. Anabela Martins como sócia honorária da coletividade, pelo apoio prestado á população durante os incêndios de 2017.

No ponto seguinte procedeu-se à eleição de novos órgãos sociais para o ano 2018, tendo sido entregue na mesa uma lista candidata por proposta da direção cessante.

A lista para órgãos sociais candidata foi colocada à votação, tendo sido aprovada por unanimidade e aclamação. Assim, foram eleitos os seguintes associados:

Assembleia Geral

Presidente

Carlos Alberto da Costa Pereira Simões

1º Secretário

Maria da Piedade Antunes Mendes

2º Secretário

Marco Paulo Silvestre Neves

Direção

Presidente

Sérgio Miguel Mendes Trindade

Vice Presidente

Armandino Melo Trindade

1º Secretário

Manuela Alexandra Batista Pires

2º Secretário

Maurício José Almeida Mendes

Tesoureira

Maria de Fátima Almeida Antunes

1º Vogal

Bruno Miguel Trindade Neves

2º Vogal

Germano Antunes Mendes

Suplente

Ricardo Filipe Trindade Neves

Suplente

Victor de Almeida Mendes

Suplente

Inês Beatriz da Silva Bento

Suplente

Bruno Miguel da Silva Bento

Suplente

Carla Marina Neves de Almeida Melo

Suplente

Inês Maria Antunes Mendes

Conselho Fiscal

Presidente

José Francisco de Almeida

Secretário

Fernando Neves de Almeida

Relator

Luciano Nunes de Almeida

 No último ponto da ordem de trabalhos destinada à apresentação de assuntos diversos. Pediu a palavra o presidente da direção que disse estar a dar andamento à legalização dos terrenos doados á coletividade. Abordou o prolema da falta de água no verão na aldeia, tendo o nascente sido limpa pelo Sr. Abel Almeida para melhorar a situação, indo ser oficiada a Câmara Municipal. O presidente lançou ainda um desafio a todos para fazerem em conjunto uma plantação de árvores autóctones em volta da aldeia, com a finalidade de a proteger dos incêndios. Relativamente à limpeza dos terrenos em redor das casas o Sr. Luciano Almeida informou dos diversos assuntos abordados na sessão de esclarecimento dado pela autarquia em Cabril.

Após ser encerrada a assembleia geral ordinária, iniciou-se de imediato a assembleia geral extraordinária, convocada para apreciar, discutir e votar a proposta da direção de alteração aos estatutos da coletividade.

A direção justificou a sua proposta de alteração estatutária com o facto de os estatutos em vigor serem de há 50 anos, estarem desatualizados e conterem artigos que estão ilegais. Lido todo o seu articulado e discutido artigo a artigo, a proposta de novos estatutos foi aprovada por unanimidade, ficando autorizados o presidente da direção, secretário e tesoureira para outorgarem a respetiva escritura, entrando em vigor logo após publicação legal.

Ficaram assim lançadas as sementes para mais um ano de atividade desta prestimosa coletividade, no ano em que comemora as suas Bodas de Ouro. Votos de bom trabalho em união entre todos, porque todos somos poucos e todos somos necessários.

Carlos Simões

Casa do Concelho de Pampilhosa da Serra todos os direitos reservados

webmaster

Top Desktop version

Este Website usa Cookies ..... Ver Politica e Privacidade